XVIII Sinaop – João Pessoa/PB


5 nov  -  segunda-feira

 C o n f e r ê n c i a s

 

 CF1. Fiscalização e Ética

♦ Eng. Agr. Luiz Antonio Rossafa, Confea – Chefe de Gabinete

 

 CF2. Uma visão judicial sobre obras públicas ♦ Des. Maria Iracema Martins do Vale, Conselheira do CNJ (pdf)

6 nov  -  terça-feira

 P a l e s t r a s

 

 

 P1. Acordo de leniência: um modelo de diálogo institucional ainda em construção

 

♦ Min. Bruno Dantas, TCU (pdf)
 

 P2. A Perícia de Engenharia da Polícia Federal no caso do rompimento da barragem de rejeitos da empresa Samarco em Mariana/MG

 

♦ Sidney de Oliveira Barbosa – Perito Criminal Federal, DPF/PB
♦ Thales Evangelista Fernandes de Souza – Perito  Criminal Federal, DPF/PI (pdf)

 P3. Estudo da relação entre a competitividade e os descontos obtidos em processos licitatórios para a contratação de obras públicas no Estado de Goiás

 

♦ Marco Antônio Borges Traldi, TCE-GO
♦ Alan de Oliveira Lopes – Perito Criminal Federal, DPF/Brasília (pdf1) (pdf2)

 P a i n e l 1: LABORATÓRIOS DE PAVIMENTOS: SOLUÇÕES E RESULTADOS

 

   P4. Laboratórios: Soluções adotadas pelos Tribunais de Contas ♦ Alexandre Pedrosa Pinheiro, TCDF (pdf)
♦ Daniel Brandão, TCE-GO (pdf)
♦ Leonardo César Santos Chaves, TCE-PI (pdf)
♦ Emerson Augusto de Campos, TCE-.MT (pdf)
♦ Dina Márcia Cangy, TA-MZ (Tribunal  Administrativo de Moçambique)  (pdf)
♦ Maria Jose Herkenhoff Carvalho, TCE-PR (pdf)
♦ Eduardo Silveira Carvalho, TCM-SP (pdf)
   P5. Resoluções da Atricon e o aprimoramento do Controle Externo

♦ Cons. Fábio Túlio Filgueiras Nogueira, Presidente da Atricon (pdf)

 

 

 P6. Restrição de contratos com uma mesma empresa em um Projeto Público: Diminuição da competitividade e necessidade de controle do Jogo de Cronograma

 

♦ Maurício Soares Bugarin, UNB
♦ Adriana Cuoco Portugal, TCDF, Diretora Adm.do Ibraop (pdf) (P6.pdf)

 A r t i g o s T é c n i c o s : Casos Especiais de Auditoria

 

 

 A1. Uso do BI na análise da cronologia de pagamentos e do superfaturamento em obras de linhas de transmissão

 

♦ Aristóteles Sampaio Costa, TCE-RR (pdf)  (A1.pdf)

A r t i g o s T é c n i c o s : CONCESSÕES E/OU PPP DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA

 

 A2. Estudo Exploratório dos Aspectos Legais nas Licitações de Parcerias Públicas Privada na área de Iluminação Pública no Brasil

 

♦ Airton Roberto Rehbein, TCE-RS (pdf)  (A2.pdf)

 A3. Impacto da flutuação dos parâmetros fixos da fórmula paramétrica de um contrato de Parceria Público-Privada

 

♦ Bruno Siciliano, CGM – São Luis (pdf)   (A3.pdf)

 M i n i c u r s o s

 

 MC1. Drone: eficiência no controle de obras

 

♦ Júlio Uchoa C. Neto, TCE-PB (pdf)

 MC2. Contratação e fiscalização de obras e serviços de engenharia

 

♦ André Luiz Mendes, TCU – Associado Fundador do Ibraop  (pdf)

7 nov  -  quarta-feira

A r t i g o s T é c n i c o s : CASOS ESPECIAIS DE AUDITORIA

 

 A4. O processo de desenvolvimento de capacidades do TA-MZ em auditoria de obras rodoviárias ♦ Carlos Maurício Figueiredo, Consultor GIZ
♦ Nazmiya Bassir Amodo, TA-MZ (Tribunal  Administrativo de Moçambique) (pdf1)  (pdf2)  (A4.pdf)
 A5. Aplicação da Lei de Benford na detecção do jogo de planilha: o caso do Estádio Nacional de Brasília ♦ Carlos Alberto Cascão Júnior, TC-DF
♦ Adriana Cuoco Portugal, TC-DF
♦ Mauricio Soares Bugarin, UnB
♦ Flávia Ceccato Cunha, TCU (pdf)  (A5.pdf)

 A6. Vícios conceituais e irregularidades na condução de programa governamental federal: Ineficiência na construção de creches com tecnologia inovadora

 

♦ Cezar Augusto Pinto Motta, TCE-RS (pdf)  (A6.pdf)

A r t i g o s T é c n i c o s : CASOS ESPECIAIS DE AUDITORIA E MANUTENÇÃO E CONSERVAÇÃO DE CONSTRUÇÕES

 

 A7. Influência da energia e temperatura de compactação nos resultados de estabilidade de concretos asfálticos: Um estudo dos Tribunais de Contas do Distrito Federal, Goiás e Piauí

 

♦ Claudeny Simone, TCE-PI
♦ Inarya Macedo, Centro Universitário Uninovafapi
♦ Layse Carvalho, TCDF
♦ Daniel Menezes Brandão, TCE-GO
♦ Tobias Pereira, TCE-PE
♦ Elci Pessoa, TCE-PE. (pdf)   (A7.pdf)

 

 A8. Auditoria de Qualidade de obras públicas concluídas: Estudo de caso no Município do Rio de Janeiro

 

♦ Luizimar Feliciano de Araújo Junior, TCM-RJ
♦ Ivo Hochleitner Junior, TCM-RJ (pdf)  (A8.pdf)

A r t i g o s T é c n i c o s :  RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

 

 

 A9. Logística Reversa de Embalagens: Sistema de Créditos

 

♦ Fabricio Soler, Felsberg Advogados  (pdf1)  (pdf2)
 A10. Análise da eficiência da coleta seletiva e da unidade de triagem de resíduos de Campo Grande-MS ♦ Ruhan Charles da Silva Lima, TCE-MS
♦ Fernando Silva Bernardes, TCE-MS
♦ Márcia Pereira da Mata, TCE-MS
♦ Thainá Domingues Nogueira, TCE-MS (pdf)  (A10.pdf)

 A11. Análise da eficiência técnica da prestação dos serviços de coleta de resíduos sólidos urbanos nos Municípios Paraibanos

 

♦ Lúcia Patrício de Souza Araújo, TCE-PB
♦ Adriano Nascimento da Paixão, UFPB
♦ Márcia Cristina Silva Paixão, UFPB (pdf)  (A11.pdf)

 M i n i c u r s o

 

 MC3. Dimensionamento e composição de custos de coleta de RSU

 

♦ Fernando D. Bernardes, TCE-MS
♦ Fernando Celso Morini, TCM-SP (pdf)

 MC4. Reparos precisos em pavimentos asfálticos

 

 ♦ Elci Pessoa Júnior, TCE-PE – Consultor (pdf)

8 nov  -  quinta-feira

 P a i n e l 2: RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

 

 P7. Resíduos Sólidos

♦ Cons. Júlio Assis Corrêa Pinheiro, TCE-AM  (pdf)

 

 P8. Procedimentos (AOP) de RSU-Ibraop

♦ Alysson Mattje, TCE-SC – Diretor Financeiro do Ibraop (pdf)

 

   P9. Agências reguladoras e RSU

♦ André Domingos Goetzinger, Agir – Blumenau-SC  (pdf)

 

   P10. Orientação Técnica: OT IBR 007/2018 – RSU

♦ Mauro A. de Siqueira Filho, Relator da OT, TCE-PE  (pdf)

 

 P a i n e l 3:  RESÍDUOS SÓLIDOS URBANOS

 

 P11. Cenário dos RSU no Estado (PB) ♦ Lúcia Patrício de S. Araújo, TCE-PB
♦ João César B. de Menezes, TCE-PB
♦ Rômulo Soares A. Araújo, TCE-PB  (pdf)
   P12. Cenário dos RSU no Estado (RS) ♦ Flavia Burmeister Martins, TCE-RS
♦ Clauber Bridi, TCE-RS (pdf)
 P13. Cenário dos RSU no Estado (MG)

♦ Valéria Cristina Gonzaga, TCE-MG (pdf)

 

   P14. Cenário dos RSU no Estado (MS)

♦ Fernando Bernardes, TCE-MS (pdf)

 

 

 P15. Cenário dos RSU no Município de São Paulo

 

♦ Fernando Morini, TCM-SP (pdf)
 

 MC5. Licitação nas Estatais e obras Públicas (Lei n 13.303/2016)

 

♦ Francisco Sérgio Maia Alves, TCU (pdf)

 D i v u l g a ç õ e s

 

   DV1. Sistema GEO-PB/Painel Obras ♦ Júlio Uchoa C. Neto, TCE-PB
♦ Aguinaldo Macedo, TCE-PB
♦ André Agra, TCE-PB  (pdf)
 DV2. Municípios Solares

♦ Mauro Passos, Instituto Ideal (pdf)

 

 DV3. Projeto Geocontrole

♦ Maurício Ferreira Wanderley, TCU (pdf)

 

 DV4. Manual de Auditoria de obras – Ibraop ♦ Anderson Uliana Rolim, Diretor Técnico
do Ibraop, TCE-ES (pdf)
 DV5. Lançamento do Livro:
“Engenharia Forense – Metodologias Aplicadas na Operação Lava Jato”

♦ João José Valim – Perito Criminal, DPF-PR (pdf)

 


9 nov  -  sexta-feira

 P a l e s t r a s

 

P16. Desenvolvimento Sustentável

♦ Representante do Sebrae-PB

 

 P17. Abordagem estatística para identificação de cartéis em obras públicas e determinação do prejuízo imposto ♦ João José Vallim – Perito Criminal Federal, DPF-PR  (pdf)

 P18. Obras de Engenharia: O papel da fiscalização, controle interno e controle externo

 

♦ Cons. Ivan Lelis Bonilha, Presidente do IRB

 

Veja Também

PUBLICIDADE E NÚMERO DE CONCORRENTES SÃO DETERMINANTES PARA VANTAGEM EM PROCESSO LICITATÓRIO DE OBRAS

Quando sete ou mais empresas concorrem em um processo licitatório, maior o desconto e, consequentemente, a vantagem de contratação...

Continue lendo

TCE E CREA-PR firmam nova parceria para o controle das obras públicas

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-PR) e o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) firmaram,...

Continue lendo

Ibraop discute projeto de Sistema Nacional de Controle de Obras Públicas

O projeto para a elaboração de um sistema capaz de monitorar obras públicas no país foi discutido e avaliado...

Continue lendo

Workshop rodoviário da Agetop deve reunir mais de 1500 pessoas

Mais de 1.500 participantes são esperados no Workshop Rodoviário 2017, coordenado pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop),...

Continue lendo

Resolução aprovada pelo TCE-GO adota as diretrizes de OT do Ibraop

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-GO) estabeleceu parâmetros técnicos mínimos para projetos básicos de obras públicas a serem...

Continue lendo

Certificados do Enaop 2017 já estão disponíveis

Os participantes do Encontro Técnico Nacional de Auditoria de Obras Públicas – o Enaop 2017 – já podem ter...

Continue lendo

AGENDA DE REUNIÕES – 2018

Para o curso dos trabalhos, foram programadas as seguintes reuniões presenciais para este exercício de 2018: I – Grupo...

Continue lendo

ACORDO DE COOPERAÇÃO E ATOS ADMINISTRATIVOS

Acordo de Cooperação Ibraop x IRB   ATO 02/2013 Dispõe sobre a elaboração, divulgação e capacitação de procedimentos para...

Continue lendo

TRIBUNAIS DE CONTAS ASSOCIADOS AO IBRAOP

  Desde 2006, o Ibraop tem firmado Termos de Cooperação Técnica com Tribunais de Contas, tendo como objetivo principal...

Continue lendo