Abertura do 1º Laboratório de Boas Práticas reúne mais de 600 pessoas


Com a participação de mais de 600 pessoas, foi aberto na manhã desta segunda-feira (03/09) o 1º Laboratório de Boas Práticas de Controle de Externo. O evento, realizado pelo Tribunal de Contas de Mato Grosso em conjunto com a Associação dos Membros de Tribunais de Contas do Brasil (Atricon) e apoio da Associação Nacional dos Ministros e Conselheiros Substitutos dos Tribunais de Contas (Audicon), acontece neste primeiro dia no Teatro do Cerrado Zulmira Canavarros, em Cuiabá.

A solenidade de abertura foi conduzida pelo presidente do TCE-MT, conselheiro Gonçalo Domingos de Campos Neto que destacou que o Laboratório foi concebido para permitir o compartilhamento de experiências entre os TCs e oportunizar que estas boas práticas sejam replicadas em todo o país.

O conselheiro lembrou ainda a importância do controle externo em uma democracia em que os gestores públicos devem prestar contas de forma periódica à população, cabendo aos auditores públicos de controle externo acompanhar a execução das políticas e a aplicação de recursos do erário. “Por isso, este Laboratório foi idealizado, para que tenham as melhores ferramentas para a satisfação das necessidades coletivas”.

O presidente do TCE-MT destacou ainda que nos dois dias do evento, serão expostas e compartilhadas pela primeira vez no Brasil, 69 experiências de boas práticas desenvolvidas pelos diversos Tribunais de Contas do país e até em outros países, como Moçambique.

Abrilhantada com a apresentação do Coral do TCE-MT, que cantou à capela o Hino Nacional e uma das mais famosas músicas do cancioneiro popular cuiabano, “Casa de Bem Bem”, a abertura teve ainda como destaques, as presenças do presidente da Atricon, Fabio Túlio Filgueira Nogueira, conselheiro do TCE-PB, e do presidente da Audicon, Marcos Benquerer, ministro substituto do Tribunal de Contas da União (TCU).

O presidente da Atricon sublinhou o ineditismo da iniciativa de realização do Laboratório, reconhecendo a proposta do conselheiro interino Luiz Henrique Lima, vice-presidente do TCE-MT e a disposição da Corte de Contas mato-grossense em sediar o evento. O conselheiro Fábio Túlio disse ainda que o Laboratório de Boas Práticas de Controle Externo trará, com certeza, um novo patamar de qualidade e eficiência para atuação dos TCs brasileiros pelo intercâmbio de conhecimentos, ferramentas, sistemas e tecnologias.

Na primeira parte do Laboratório, aconteceram as mesas “LabContas e robôs Sofia, Alice e Mônica” sistemas utilizados pelo TCU e apresentados pela auditora federal, Mônica Cotrin Chaves; em seguida, as mesas “Observatório de Despesas públicas” do TCE-SC, apresentado pelos auditores fiscais Nilson Zanatto e Alessandro Marinho de Albuquerque.

Fechando a programação matutina, serão apresentadas as mesas “Sistema Iris – Indicador de Risco de Irregularidades” do TCE-RJ, analista de controle externo, Bruno Mattos Souza Melo; e “Politica de Fiscalização Integrada Suricato”, desenvolvido pelo TCE-MG e apresentado pela analista de controle externo Milena de Brito Alves.

O 1º Laboratório de Boas Práticas do Controle Externo ocorre nesta segunda na Assembleia Legislativa e na terça no TCE. O evento é transmitido ao vivo pela TV Contas e pelo YouTube. Ao final, as palestras estarão disponíveis no Portal da instituição. Todos os trabalhos serão reunidos em um e-book, que será lançado em novembro no Congresso Nacional dos Tribunais de Contas.

FONTE: Ascom/ TCE-MT

Veja Também

PUBLICIDADE E NÚMERO DE CONCORRENTES SÃO DETERMINANTES PARA VANTAGEM EM PROCESSO LICITATÓRIO DE OBRAS

Quando sete ou mais empresas concorrem em um processo licitatório, maior o desconto e, consequentemente, a vantagem de contratação...

Continue lendo

TCE E CREA-PR firmam nova parceria para o controle das obras públicas

O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-PR) e o Tribunal de Contas do Estado do Paraná (TCE-PR) firmaram,...

Continue lendo

Ibraop discute projeto de Sistema Nacional de Controle de Obras Públicas

O projeto para a elaboração de um sistema capaz de monitorar obras públicas no país foi discutido e avaliado...

Continue lendo

Workshop rodoviário da Agetop deve reunir mais de 1500 pessoas

Mais de 1.500 participantes são esperados no Workshop Rodoviário 2017, coordenado pela Agência Goiana de Transportes e Obras (Agetop),...

Continue lendo

Resolução aprovada pelo TCE-GO adota as diretrizes de OT do Ibraop

O Tribunal de Contas do Estado (TCE-GO) estabeleceu parâmetros técnicos mínimos para projetos básicos de obras públicas a serem...

Continue lendo

Certificados do Enaop 2017 já estão disponíveis

Os participantes do Encontro Técnico Nacional de Auditoria de Obras Públicas – o Enaop 2017 – já podem ter...

Continue lendo

AGENDA DE REUNIÕES – 2018

Para o curso dos trabalhos, foram programadas as seguintes reuniões presenciais para este exercício de 2018: I – Grupo...

Continue lendo

ACORDO DE COOPERAÇÃO E ATOS ADMINISTRATIVOS

Acordo de Cooperação Ibraop x IRB   ATO 02/2013 Dispõe sobre a elaboração, divulgação e capacitação de procedimentos para...

Continue lendo

TRIBUNAIS DE CONTAS ASSOCIADOS AO IBRAOP

  Desde 2006, o Ibraop tem firmado Termos de Cooperação Técnica com Tribunais de Contas, tendo como objetivo principal...

Continue lendo